Pular para a barra de ferramentas

Aplicativo para agendamento de consultas

Aplicativo para agendamento de consultas

Start up do interior de São Paulo disponibiliza serviço mobile de agendamento de consultas para usuários de Bauru/SP e Natal/RN

Agendar consultas médicas particulares a preços populares, avaliar os profissionais e, sem custo adicional, colaborar com a organização humanitária internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF). Tudo isso com apenas um cadastro simples e alguns toques na tela do seu smartphone ou qualquer outro dispositivo móvel, sem taxa de adesão, sem mensalidade, sem carência ou qualquer outro custo que não a própria consulta.

Esse é o propósito do aplicativo Salus, startup lançada oficialmente em Bauru, interior de São Paulo, com mais de 20 especialidades na cidade de origem. Sua expansão para Natal/RN a partir de maio de 2017 permitirá o acesso a mais 17 profissionais de 6 especialidades: Acupuntura, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Nutrição, Psicologia e Quiropraxia. Algumas delas sem cobertura de planos de saúde. Para o segundo semestre do ano, os empreendedores pretendem ampliar a abrangência do negócio para Marília e Ribeirão Preto.

De acordo com o cofundador da Digital Labs, Anderson Arcênio, o Salus democratiza o acesso à saúde suplementar ao surgir como oportunidade tanto para aquela pessoa que deseja um atendimento ágil e sem burocracia, mas que não dispõe de um plano médico ou dinheiro o suficiente para consulta particular, quanto para o profissional que a recebe.

Para usar, basta baixar gratuitamente o aplicativo Salus pelo Google Play (Android) ou App Store (iOS). Para agendar uma consulta, basta preencher um formulário. Com o usuário criado, o paciente seleciona a especialidade e sua disponibilidade de horários. Ainda pelo aplicativo é confirmado o agendamento. Após a consulta, todo o processo poderá ser avaliado, contribuindo com a qualidade dos serviços prestados tanto pelos profissionais quanto pelo aplicativo. Outros usuários também se beneficiam ao encontrarem especialistas bem avaliados. E, por fim, parte do investimento feito pelo usuário é destinado à organização humanitária Médicos Sem Fronteiras para ajudar na sua missão de salvar vidas em situações como conflitos armados, desastres naturais, epidemias, desnutrição e ausência de acesso aos sistemas de saúde.

O aplicativo é gratuito e os preços das consultas variam de R$ 40,00 a R$ 120,00, de acordo com a especialidade, cerca de 30% de uma consulta particular convencional. O valor é pago diretamente ao profissional da saúde ou à clínica, no dia e horário agendados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + 16 =