Centro de reabilitação realiza ação em Rio Verde

Caminhão da Oficina Ortopédica Itinerante Terrestre do Centro Reabilitação e Readaptação Dr. Henrique Santillo (CRER) está estacionado em frente à Associação Pestalozzi de Rio Verde/GO

A oficina irá entregar 327 dispositivos ortopédicos como órteses, próteses, coletes, palmilhas e calçados para pés neuropáticos confeccionados a partir de prescrições médicas e avaliações feitas por profissionais do CRER, fisioterapeuta e técnicos ortopédicos.
O atendimento começou nesta segunda-feira, 26, e prossegue até sexta-feira, 02 de março. Na terça, quarta e quinta-feira, os pacientes serão atendidos das 8 às 12h e das 13h às 17h. Na sexta-feira, das 8h ao meio dia.

Além da população de Rio Verde, os moradores vizinhos dos municípios vizinhos de Acreúna, Aparecida do Rio Doce, Cachoeira Alta, Caçu, Castelândia, Itajá, Itarumã, Lagoa Santa, Maurilândia, Montividiu, Paranaiguara, Porteirão, Quirinópolis, São Simão, Santa Helena de Goiás, Santo Antô,nio da Barra e Turvelândia também serão beneficiados com o atendimento.

O veículo realiza a confecção de adaptações, ajustes, e alguns consertos em dispositivos já utilizados pela população. O objetivo desse programa é facilitar o acesso das pessoas com mais dificuldade de serem atendidas na oficina ortopédica fixa do CRER, seja pela distância e/ou regulação dos serviços.

A oficina ortopédica itinerante terrestre está vinculada ao CRER, pois a unidade já possuir oficina ortopédica fixa habilitada pelo Ministério da Saúde. O Crer é reconhecido como Centro Especializado em Reabilitação nível 4 pelo Ministério da Saúde (CER IV) e atende os quatro tipos de deficiência: física, auditiva, visual e intelectual.

De agosto a dezembro de 2017, a oficina ortopédica itinerante terrestre do Crer já percorreu quatro municípios, atendeu mais de 730 pessoas e dispensou mais 1.200 dispositivos ortopédicos. Este ano o caminhão visitou as cidades de São Luís dos Montes Belos e Itumbiara. Em março, estará em Ipameri, e tem agenda até dezembro nas principais cidades do estado, cobrindo todo o território goiano.

Como ser beneficiado com o serviço:
1º: Procurar a Unidade de Saúde mais próxima de sua residência e realizar uma consulta com um médico da Unidade Básica de Saúde. Se houver indicação do médico, fisioterapeuta ou terapeuta ocupacional para utilização da órteses ou próteses, este paciente de posse do encaminhamento/prescrição, deverá procurar a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de seu município.

2º: De posse do encaminhamento/prescrição a pessoa deverá procurar a SMS para ser Regulado e Agendar avaliação com os profissionais da Oficina Ortopédica Itinerante Terrestre.

3º: Após procedimento autorizado pela SMS da sua cidade, você será informado sobre o dia, horário e local em que a Oficina Itinerante estará na região.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 − quatro =