Curso de residência pode dobrar salário de enfermeiros

Curso online de Residência em Enfermagem é uma opção de especialização aplicada ao serviço e pode ajudar a alavancar a carreira do profissional

Com o mercado cada vez mais competitivo, os profissionais buscam maneiras de se qualificar e ter mais chances de crescimento, tanto profissionalmente quanto financeiramente. Na área da saúde não é diferente. Enfermeiros, por exemplo, podem ter possibilidades de ganhos maiores através de uma especialização, como a Residência em Enfermagem. Com a atuação prática, a carreira do profissional pode alavancar, chegando a dobrar o salário.

“Em início de carreira, o enfermeiro pode ganhar em torno de R$ 1.500 a R$ 2 mil, mas quem entra no curso de Residência, aumenta a possibilidade no mercado de trabalho, pois realiza a Residência ganhando R$ 3.330,43, financiada pelo Governo Federal”, diz Henrique Castanheira, fundador da Multiresidência, que disponibiliza um curso preparatório para conquistar essas vagas.

Mas, para entrar na Residência, é necessário muito estudo e dedicação. Mesmo para quem tem a vida corrida isto é possível, pois o curso aplica o Ensino a Distância (EAD), onde é possível estudar de acordo com a disponibilidade.

A preparação traz conteúdos baseados em estudos sobre os temas que caíram nas provas nos últimos cinco anos. O intuito é oferecer um material mais assertivo e análises claras comentadas em centenas de questões.

O próximo curso online ficará disponível entre junho e dezembro/17. Para ter acesso ao material, basta entrar no site, onde serão disponibilizadas vídeo-aulas, com conteúdos teóricos, resumos, resolução de questões com comentários, simulados e livros. O curso custa R$ 1.500 com carga horária de 120 horas, tendo que ser finalizada até o fim do ano. “O investimento neste curso é recuperado já no primeiro mês de residência”, completa.

Residência não é só para médicos

A Residência em Enfermagem é um curso de pós-graduação Latu Sensu (especialização) voltada para a educação em serviço. Embora existam diversas especializações para enfermeiros, a maioria não se aprofunda nas aulas práticas, o que não acontece na Residência. Isso é um diferencial, já que a profissão é uma atividade essencialmente prática e o residente consegue vincular o que aprendeu durante a graduação com o que executa no dia a dia. A carga horária é de 5.760 horas, sendo que quatro mil delas é dedicada a atividades práticas no serviço de saúde e conta como experiência de mercado.

Esta especialidade é uma parceria entre as Universidades e Serviços de Saúde, onde o projeto é enviado ao Ministério da Saúde e da Educação para aprovação e liberação de bolsas. Universidade de São Paulo (USP), Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Casa de Saúde Santa Marcelina, Hospital Sírio-Libanês são algumas instituições que abrem vagas todos os anos. Podem participar enfermeiros que tenham concluído a graduação e devidamente registrados no seu conselho de classe. O profissional ingressa através de processos seletivos públicos, que no geral passam por duas etapas: provas e entrevistas/análise de currículos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *