Saúde mental e doação de órgãos são os temas do mês de setembro

Por Allan David

Evento aberto ao público e com entrada gratuita será realizado nesta quarta-feira, dia 25, às 19h30, no Órion Shopping, no Setor Marista, em Goiânia. Ação faz parte das campanhas Setembro Verde e Amarelo

Além dos tons da primavera, o mês de setembro é também marcado por outras duas cores: o amarelo e o verde. A primeira faz alusão a uma campanha que visa reverter números como o registro de 12 mil suicídios todos os anos no Brasil; já a segunda refere-se a um movimento nacional que busca aumentar o percentual de 37,7% de efetivação de doações de órgãos entre os potenciais doadores do País. Os números são do Ministério da Saúde.

Para discutir esses dois temas, o Órion Shopping, que integra o Órion Business & Health Complex, promove nesta quarta-feira, 25, às 19h30, em parceria com o Colégio Simbios, uma edição especial do projeto Viva Saudável Órion – Orgulho de Viver. Para a mesa de conversa foram convidados a psicóloga Ana Lídia Fleury e o empresário e palestrante Chrystiano Cruvinel.

O “Setembro Amarelo” é uma campanha mundial de prevenção do suicídio e que no Brasil é coordenada pelo Centro de Valorização da Vida (CVV), pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), desde 2014. O foco da campanha é conscientização sobre os cuidados com a saúde mental visando combater transtornos como depressão e ansiedade, que caso não sejam tratados podem levar a situações extremas como o autoextermínio. Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), um milhão de pessoas no mundo comentem e suicídio e 96,8% dos casos estavam relacionados a transtornos mentais.

Já o “Setembro Verde” é uma mobilização social que teve início com uma lei promulgada no Estado de São Paulo, em 2014, com o objetivo de esclarecer sobre a importância da doação de órgãos no País. O número de doações no Brasil, de acordo com o Ministério da Saúde, tem crescido e só no primeiro semestre de 2018 registrou um aumento de 7% em relação ao mesmo período do ano anterior. “Acredito que esses números têm crescido justamente por causa de campanhas que informam e esclarecem as pessoas sobre esse ato que pode salvar várias vidas”, comenta a gerente de marketing do Órion Shopping, Patrícia Naves, uma das organizadoras do evento do próximo dia 25. Mas ainda sim a negativa das famílias em não autorizar a doação de órgãos foi de 42% em 2018.

O projeto Viva Saudável Órion é realizado mensalmente pelo Órion Complex, maior complexo imobiliário com foco nos serviços de Saúde. Além do Órion Shopping, o empreendimento agrega também uma torre com centenas de clínicas e consultórios médicos, um hotel e um hospital privado de alta complexidade (que será inaugurado ainda neste ano). Todos os meses o projeto traz ações e eventos gratuitos promovidos pelo complexo de saúde para incentivar os cuidados com a saúde e o bem-estar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *